Varíola do Macaco: o que sabemos até agora?

- 07/10/2022

A palestra “Varíola do Macaco: o que sabemos até agora?” foi ministrada ontem (6/10), no 54º Congresso Brasileiro de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (CBPC/ML) pelos Drs. André Mario Doi, diretor de Ensino da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML), Roberta Sitnik, membro da Association for Molecular Pathology (AMP) e especialista do Laboratório do Hospital Israelita Albert Einstein; o médico Patologista Clínico Paulo Paixão, representante da Sociedade Portuguesa de Patologia Clínica (SPPC) e do infectologista Sérgio Beduschi.


A Dra. Roberta Sitnik iniciou a apresentação com uma breve introdução sobre o vírus, coleta dos materiais para o diagnóstico correto e os testes laboratoriais disponíveis, o Dr. Paulo Paixão falou sobre sua experiência em Portugal, um dos primeiros países a serem atingidos pela epidemia e o Dr. Sérgio Beduschi falou sobre os aspectos clínicos da doença e perspectiva sobre o futuro da epidemia.


Eles explicaram que, em maio de 2022, a Organização Mundial da Saúde (OMS), notificou casos de Varíola símia em diversos países, inicialmente na Europa e posteriormente em diversas regiões do mundo.  Desde então, o Brasil já confirmou cerca de 10.000 casos, sendo o terceiro país no mundo com maior incidência.

Este vírus foi descoberto em 1958, quando dois surtos semelhantes a varíola humana foram identificados em colônias de macacos mantidos para pesquisa (dando origem ao nome Varíola do macaco). O primeiro relato de infecção em humanos foi reportado em 1970 na República Democrática do Congo e desde então vêm sendo esporadicamente reportado em países da África Central e África Ocidental. Entretanto, o reservatório natural da Varíola símia ainda permanece desconhecido.


Frente a este cenário preocupante e potencial de transmissibilidade na população, é essencial que medidas de saúde pública sejam tomadas para reduzir a disseminação. Uma delas é o diagnóstico precoce dos pacientes acometidos para quebrar a cadeia de transmissão. 

Outras Notícias

Cerimônia de encerramento do 54º CBPCML é marcada por sorteio de prêmios e celebrações

Na ocasião foram sorteados 20 brindes após as premiações dos Temas Livres, Concurso de Fotografia e Lançamento do Site

“A Vida é um Jogo”, Tande, campeão olímpico de voleibol, comentou sobre sua carreira no 54º CBPCML

O esportista também trouxe temas relacionados à inovação para acompanhar um mercado cada vez mais competitivo

Médicos apresentam protocolo para doença rara e letal, ainda subnotificada no Brasil

Conferência discute a importância do diagnóstico de doenças raras

Experiência brasileira no diagnóstico molecular de SARS-CoV-2 (covid-19): passado, presente e futuro

PCR para HPV é arma poderosa para prevenção de câncer de colo uterino

Como a inteligência artificial pode ajudar no diagnóstico em hematologia e onde estamos e até onde podemos ir?

Paciente transgênero e o teste laboratorial

Telelaboratório já é uma realidade?

Inclusão de exames no Rol da ANS amplia chances de diagnóstico precoce e prevenção

Tecnologia dos games abrem um mundo novo para a medicina diagnóstica

“Leucemia Mielóide Aguda/SMD - o que temos de novo?” tema de Mesa redonda do 54º CBPC/ML

Quatro livros são lançados durante o 54º CBPC/ML

Como a inteligência artificial pode ajudar no diagnóstico em hematologia e onde estamos e até onde podemos ir?

Conferência expõe aplicações da genômica para diagnósticos e medidas preventivas em diversas áreas da medicina

A atuação do Ministério da Saúde no fomento à integridade e no combate à fraude e corrupção

Infecções fúngicas: diagnóstico desafiador que exige expertise laboratorial

Novos exames auxiliam no diagnóstico precoce do Alzheimer

Mesa redonda apresenta exames de laboratórios essenciais para definição precisa de terapias e garantia de qualidade de vida aos pacientes de fibrose cística